Visite nossas redes sociais

Educação

Objetivo do ENEM que acontece todos os anos no Brasil

Publicado

em

Objetivo do ENEM que acontece todos os anos no Brasil O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi instituído em 1998, com o objetivo de avaliar o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica. O exame aperfeiçoou sua metodologia e, em 2009, passou a ser utilizado como mecanismo de acesso à educação superior, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do Programa Universidade para Todos (ProUni) e de convênios com instituições portuguesas. Os participantes do Enem também podem pleitear financiamento estudantil em programas do governo, como o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Os resultados do Enem continuam possibilitando o desenvolvimento de estudos e indicadores educacionais.

Qualquer pessoa que já concluiu o ensino médio ou está concluindo a etapa pode fazer o Enem para acesso à educação superior. Os participantes que ainda não concluíram o ensino médio podem participar do Enem como “treineiros” e seus resultados no exame servem somente para autoavaliação de conhecimentos.

A aplicação do Enem ocorre em dois domingos. Os participantes fazem provas de quatro áreas de conhecimento: a) linguagens, códigos e suas tecnologias; b) ciências humanas e suas tecnologias; c) ciências da natureza e suas tecnologias; d) matemática e suas tecnologias, que somam 180 questões, ao todo. Os participantes também são avaliados por meio de uma redação, que exige o desenvolvimento de um texto dissertativo-argumentativo a partir de uma situação-problema. A Política de Acessibilidade e Inclusão do Inep garante atendimento especializado e tratamento pelo nome social, além de diversos recursos de acessibilidade.

Pela primeira vez, o Inep realizará o Enem Digital, com aplicação em janeiro e fevereiro de 2021. A prova em computador está prevista para mais de 96 mil participantes.

Quais as principais novidades do Enem 2020 impresso em relação à edição no ano passado?

Todas as condições especiais para realização da prova agora estão enquadradas em “atendimento especializado”, no sistema de inscrição. Fique atento!

Participantes cegos, surdocegos, com baixa visão ou visão monocular poderão solicitar recurso para uso de leitor de tela.O participante com surdocegueira poderá optar pelo tipo de atuação de seus guias-intérpretes, uso de tadoma ou Libras tátil.

Tempo adicional de 60 minutos para participantes lactantes que informarem tal condição no sistema de inscrição e levarem o lactente e o acompanhante no dia da aplicação.

Foto do participante adicionada ao sistema de inscrição.

Participantes com doenças infectocontagiosas descritas no edital deverão entrar em contato com o Inep para comprovação de sua condição e não deverão comparecer ao local de provas. Poderão realizar a prova na reaplicação.

Participantes autistas e surdocegos terão banca especial para correção de suas provas. O participante que escrever sua redação em braile terá suas provas corrigidas no Sistema Braile.

Quem pode fazer o Enem?

Qualquer pessoa pode fazer o Enem. Os concluintes do ensino médio neste ano e em anos anteriores (egressos) podem usar as notas para o acesso à educação superior – por meio do Sisu, do Prouni e de convênios com instituições portuguesas – e a programas de financiamento e apoio estudantil, caso do Fies. Já os participantes “treineiros” podem usar o resultado somente para autoavaliação de conhecimentos.

Quais as orientações para os dias de prova do ENEM?

Nos dias de realização do exame, os portões de acesso aos locais de provas serão abertos às 11h30 e fechados às 13h (horário de Brasília).

O acesso à sala de provas será permitido com a apresentação de documento de identificação com foto válido e dentro do horário estabelecido.

A aplicação das provas terá início às 13h30 e término às 19h, no primeiro dia, e às 18h30, no segundo dia (horário de Brasília).

A aplicação das provas para o participante com solicitação de recurso de videoprova em Libras aprovada terá início às 13h30 e término às 21h, no primeiro dia; e às 20h30, no segundo dia (horário de Brasília), em todos os estados e no Distrito Federal.

A ida ao banheiro antes das 13h (horário de Brasília), após procedimentos de identificação realizados na sala de provas, requer nova identificação do participante para retorno à sala de provas.

Todas as salas terão um marcador para acompanhamento do tempo de prova.

Não haverá prorrogação do tempo previsto para a realização das provas em razão de afastamento do participante da sala de provas, de avisos e de procedimentos durante a aplicação.

Identificação do participante| Como será feita a identificação e quais os documentos válidos?

É obrigatória a apresentação de via original de documento oficial de identificação com foto para a realização das provas.

Não serão aceitos documentos de identificação como: protocolos; Certificado de Dispensa de Incorporação; Certificado de Reservista; Certidão de Nascimento; Certidão de Casamento; Título Eleitoral; Carteira Nacional de Habilitação em modelo anterior à Lei nº 9.503, de 1997; Carteira de Estudante; Registro Administrativo de Nascimento Indígena (Rani); crachás e identidade funcional de qualquer natureza; cópias de documentos válidos, mesmo que autenticadas; ou documentos digitais apresentados eletronicamente.

Será coletado dado biométrico do participante durante a realização das provas. O Inep pode ainda efetuar procedimentos adicionais de identificação nos dias de aplicação.

Continue lendo
Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Educação

Parauapebas: Prefeitura entregou mais uma Escola de Educação Infantil

Publicado

em

Escrito por

A Prefeitura de Parauapebas entregou, nesta terça-feira (25), mais uma escola de Educação Infantil para a comunidade da Capital do Minério. A solenidade de inauguração ocorreu às 16 horas e, devido às restrições sanitárias por conta da pandemia, foi transmitida por meio de Live.

A Escola de Educação infantil Jonas Barros do Amaral está Localizada na Avenida B, Quadra 286, Lote Especial, no Bairro Cidade Jardim. A instituição atenderá cerca de 240 crianças com idade entre 1 e 3 anos, em dois turnos: matutino e vespertino.

A nova creche faz parte do programa Proinfância do governo federal, construída em parceria com o governo municipal. Segundo a prefeitura, o novo espaço é amplo e confortável e é constituído por oito salas de aula, sala dos professores, sala multiuso, lactário, fraldário, sala de alimentação, cozinha industrial, lavanderia, copa, banheiros, brinquedoteca, parquinho, além do bloco administrativo, tudo com acessibilidade.

Continue lendo

Educação

Estudantes de Parauapebas são preparados para a OBA

Publicado

em

Escrito por

Nos dias 27 e 28, ocorre, em todo o país, a prova da 24ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA), organizada pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) e Agência Espacial Brasileira (AEB) para estudantes do Ensino Fundamental e Médio.

Os alunos da rede municipal de ensino de Parauapebas já estão sendo preparados para a avaliação, há algum tempo, por meio de revisão de conteúdos e atividades. E ontem, 24, às 19 horas, ocorreu uma Live de revisão de conteúdo e incentivo à participação. O evento intitulado “OBA 2021 – Um bate-papo astronômico” contou com a participação de educadores e convidados especiais.

O evento obteve uma ótima interação com o público estudantil, alcançando centenas de acessos instantâneos e milhares de visualizações. Segundo a técnica de Ciências da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Leilane Bicho, a Live alcançou os objetivos propostos. “Nossas expectativas foram superadas, principalmente no sentido de engajamento e participação. Assim, acreditamos que haverá uma maior participação dos alunos nesta edição da OBA”, destaca.

O professor Paulo Roberto, da escola Municipal de Ensino Fundamental Faruk Salmen, também participou da Live. Durante o evento, ele reforçou a importância das olimpíadas e o quanto o município tem procurado organizar os alunos para a prova. “A nossa ideia é preparar os alunos das mais diversas formas possíveis e a Live é mais uma ferramenta”, comenta.

 

Mobfog

Paralelamente à OBA ocorre a Mostra Brasileira de Foguetes (Mobfog), que já está em sua 15ª edição. A iniciativa tem caráter experimental. Para participar, os alunos precisam construir e lançar seus foguetes a partir de uma base de lançamento, sendo que as melhores marcas obtidas por cada criança são enviadas para a avaliação e classificação da Mobfog.

Muitas escolas municipais também estão estimulando a participação de seus alunos na Mostra e os lançamentos já estão sendo realizados. Na manhã de ontem, 24, dezenas de alunos da escola Luiz Magno de Araújo marcaram presença na praça do Bairro Alvorá, zona sudeste, para realizarem seus lançamentos.

A aluna Whany Agatha Couto Dias, do 8º ano, construiu um belo foguete e já na segunda tentativa alcançou a distância de 100 metros. “É a primeira vez que participo da Mobfog e está sendo uma experiência incrível. Aprendi muitas coisas interessantes e ainda poderei conquistar uma medalha. Estou muito feliz em participar”, afirma a estudante.

Continue lendo

Educação

Departamento de valorização dos servidores da Semed oferece diversos serviços

Publicado

em

Escrito por

Em 2021, o Departamento de Valorização do Servidor, da Secretaria Municipal de Educação (Semed), ampliou o leque de serviços e passou a oferecer atendimentos diversos aos profissionais da pasta.

Segundo a coordenadora do Devass, Kelly Betânia Reis, o departamento busca proporcionar ações de valorização e apoio aos servidores da Semed, com vistas às práticas de autocuidado e melhoria da qualidade de vida. “Temos uma equipe multidisciplinar, composta por esteticista, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, psicólogo, educador físico e neuropsicopedagogo, disposta a orientar e contribuir com a saúde física e mental de nossos servidores, além de promover ações preventivas e de melhoria da qualidade de vida e autoestima”, ressalta a coordenadora.

O secretário de Educação, Leal Nunes, lembra que a Prefeitura de Parauapebas já instituiu há bastante tempo uma política de valorização dos servidores e que o Devass vem somar com a estratégia. “Precisamos valorizar e cuidar melhor daqueles que trabalham em prol de toda a sociedade, o servidor público. A Semed tem buscado dar atenção especial a seus profissionais, e todos nós carecemos de cuidados, principalmente neste momento em que estamos vivendo”, destaca o gestor.

O Devass oferece serviços individuais e coletivos (palestras, rodas de conversas, oficinas, etc.). Para mais informações e para realização de agendamentos, os servidores podem entrar em contato com o departamento por meio do telefone (94) 98403-2786, do email: [email protected] ou comparecer ao espaço localizado na Rua 9, bairro Cidade Nova, no prédio do antigo Colégio Fênix.

 

Texto: Messania Cardoso

Fotos: Lucas/Semed

Continue lendo

Trending